É o modelo de negócios, hombre

Não é preciso muito esforço para encontrar exemplos de negócios que sofreram as conseqüências da mudança no modelo de negócios utilizado. Para mim, um exemplo óbvio é o do setor musical. Muitas lojas de discos ficaram vazias em decorrência da mudança gerada pela Internet no modelo de negócios de distribuição, compartilhamento e mentalidade. A mudança no setor musical continua até hoje, mas alguns artistas se colocaram à frente da mudança em vez de tentarem resistir a ela. Que fator contribui para a maioria das mudanças? Vou dar uma dica. Trata-se do mais poderoso exército do mundo. Como aprendi na faculdade de negócios, as guerras militares são terríveis, mas as batalhas econômicas são simplesmente brutais. A tempestade perfeita é quando existe uma economia em declínio e um modelo de negócios em transformação que implica consumo de massa. Analisando a mudança, é fácil compreender o que aconteceu com as réguas de cálculo, as unidades de disquete, os tubos de raios catódicos, os drive-ins, o leiteiro de entrega em domicílio e o entregador de gelo em casa.

 

Houve muito debate em torno da falha do Amazon S3 na última sexta-feira. Algumas pessoas se apressaram em prognosticar o fim premente da "cloud computing" (desenvolvimento baseado na Internet). Baseavam-se, com certeza, em que este paradigma de armazenamento/informática é uma loucura, portanto, deveriam ver o que acontece ao aderirem a esta nova economia de TI. O armazenamento tem que ser caro. Ora bolas, este é o último item caro que resta…cara. É claro que apenas empresas iniciantes e ousadas usariam tal serviço. Bem, eu discordo. Em função do meu envolvimento pessoal em falhas anteriores de outras empresas e de meus 27 anos de experiência no setor, posso afirmar que também ocorrem grandes falhas nas soluções proprietárias de servidor/armazenamento. Na verdade, algumas falhas são bem graves, e isso não exclui nenhum fornecedor. O fenômeno "cloud computing" não desaparecerá. Ele simplesmente ficará mais forte. A economia irá impulsioná-lo. Novos serviços economicamente atraentes para empresas, indivíduos, alunos etc. continuarão fazendo com que ele cresça.

Como meu pai costumava dizer: "Seja um líder, não um seguidor."

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s